Conheça a dieta que cuida da saúde do coração

0
20
HCor/Divulgação

Chamada de Alimentação Cardioprotetora Brasileira, ela ajuda a prevenir doenças cardiovasculares através de comida saudável, priorizando a cultura alimentar do país

O Ministério da Saúde (MS) em parceria com o Hospital do Coração (HCOR), desenvolveu a Dieta Cardioprotetora Brasileira, uma guia alimentar saudável, priorizando a nossa cultura alimentar, porém adequado para prevenir doenças do coração. Segundo Enilda Lara, nutricionista do Hospital do Coração (HCor), de São Paulo, a Alimentação Cardioprotetora é indicada para prevenir que uma pessoa que tenha um fator de risco (obesidade, hipertensão, diabetes e dislipidemias) não venha a desenvolver uma doença cardiovascular, ou para quem já tem doenças do coração. Mas, apesar desse foco, ela pode ser adotada por qualquer pessoa.

A ideia é de uma dieta em que a pessoa pode comer tudo o que está acostumada a comer na sua região, mas de uma forma balanceada. “Nossa pesquisa se baseia no controle de energia e no monitoramento de itens como sódio, colesterol e gordura saturada. Cada grupo de alimento (verde, amarelo e azul) vai fornecer quantidades diferentes dos nutrientes. Desta forma, utilizando as cores da bandeira como referência, a pessoa consegue montar um cardápio equilibrado que ajude a proteger seu coração”, explica Rosana Perim Costa, gerente do Serviço de Nutrição do HCor. “Queremos mostrar que é possível prevenir um novo problema cardiovascular comendo alimentos acessíveis e respeitando peculiaridades
das culturas regionais”, completa.

Para entender na prática

No baião de dois, por exemplo, que faz parte do grupo azul, o bacon e a carne seca foram substituídos por apenas duas colheres de sopa de linguiça picada e sete colheres de sopa de queijo coalho. Na receita tradicional, além de 500g de carne seca e 70g de bacon, vai um gomo inteiro de linguiça e 200g de queijo. “A nossa receita não perdeu o sabor e melhorou o perfil de nutrientes no quesito colesterol, gordura saturada e sódio”, afirma Camila Ragne Torreglosa, nutricionista e especialista de gerenciamento de centros do HCor.

Além de elaborar o livro Receitas Cardioprotetoras, que pode ser baixado no site do MS, o programa tem um recurso lúdico que associa as cores da bandeira brasileira aos alimentos, o que ajuda a entender a proporção de consumo no dia a dia: a maior área deve ser ocupada por alimentos do grupo verde, seguido pelos grupos amarelo e azul. Já o grupo vermelho, que inclui os alimentos ultraprocessados, deve ser expressamente evitado. Saiba quais são esses alimentos.

Grupo verde: verduras (alface, repolho, couve, brócolis, espinafre, agrião); frutas (banana, abacaxi, maçã, uva, limão, manga, morango, mexerica, laranja); legumes (cenoura, tomate, chuchu, maxixe, abóbora, beterraba, abobrinha, berinjela); leguminosas (feijão, soja, ervilha, lentilha); e leite e iogurtes sem gordura (desnatados ou semidesnatados).

Grupo amarelo: pães (francês, caseiro, de cará, integral); cereais (arroz branco e integral, aveia, granola, linhaça); macarrão; tubérculos cozidos (batata, mandioca, mandioquinha, inhame, cará); farinhas (mandioca, tapioca, milho, rosca); oleaginosas (castanha-do-Brasil/Pará, caju, nozes); óleos vegetais (soja, milho, azeite); e mel, goiabada, doce de abóbora, cocada, geleia de frutas.

Grupo azul: carnes (de boi, porco, frango e peixe); queijos brancos e amarelos; ovos; manteiga; doces caseiros (pudim, bolos, tortas, mousses); leite condensado e creme de leite.

Grupo vermelho (o que não se deve comer): macarrão instantâneo; salgadinhos de pacote; biscoitos e bolachas; embutidos (presunto, mortadela, salame); sucos industrializados (em pó ou em caixinha); refrigerantes; linguiça e salsicha; nuggets e hambúrguer congelado; achocolatado em pó; refeições congeladas industrializadas (ex: lasanha); molhos industrializados (ketchup e mostarda); sorvete (massa ou picolé); farinha láctea.

Confira também uma receita cardioprotetora simples de ser feita.

Risoto de frango – Grupo amarelo

Tempo: 30 minutos
Dificuldade: média
Porção: 4 colheres de sopa (100g)
Rendimento: 10 porções.

Ingredientes:
• 1 colher de sopa de óleo de soja
• 6 dentes de alho picados
• 1 cebola média ralada
• 500g de filé de frango temperado,
cozido e desfiado em lascas
• 100g de ervilha congelada
• ½ colher de sopa de sal refinado
• 2 tomates médios sem sementes
picados
• 1 cenoura média ralada
• 1 xícara de chá de palmito fresco, cozido
e picado
• 2 xícaras de chá de arroz cozido
• Cheiro-verde picado a gosto.

Risoto de Frango/HCor Divulgação

Modo de preparo:
Em uma panela, aqueça o óleo, frite os dentes
de alho e a cebola, junte o frango e deixe
dourar. Acrescente a ervilha, o sal, os tomates,
a cenoura e cubra com água. Cozinhe até
ficar bem macio. Junte o palmito e o arroz.
Deixe cozinhar por mais 5 minutos. Polvilhe
o cheiro-verde e sirva.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here